Publicidade Venus Creations

 

 

Versão Original
(Abre numa nova janela)

English Version

Version Française

 

PARA PESSOAS CURIOSAS

TERÇA FEIRA 1 DE OUTUBRO DE 2019  

High Park um dos ex-libris da cidade de Toronto

Texto de Avelino Teixeira

Foi uma das primeiras belezas citadinas a que fui introduzido pelo meu amigo José Pinheiro quando cheguei a Toronto em 1972. Creio não haver ninguém que viva ou que por aqui tenha passado que não conheça o ex-libris desta Grande Cidade Cosmopolita.

Aquele encantador rincão derivou de uma propriedade que media 60 hectares que foi pertença de John George Howard e sua esposa Jemima Frances Meikle que a adquiriram em 1836 por apenas mil dólares. Naquele tempo localizava-se numa zona denominada County of York. Inicialmente destinava-se a uma criação de ovelhas, mas em 1837 John George Howard construiu ali a sua casa de campo hoje conhecida por Colborn Lodge. Ali, mesmo ao lado, possuía também uma outra propriedade chamada Sunnyside Farm onde actualmente se encontra erigido o Hospital de S. José. A zona é todavia conhecida por Sunnyside.

Atualmente o High Park mede 398 hectares. Está localizado no 1873 de Bloor St West. É propriedade da Câmara Municipal de Toronto, e mantido pelo departamento de parques, florestas e zonas de recreio da mesma. Assenta numa zona montanhosa marginada por duas ravinas; uma a Este e outra a Oeste que se estendem paralelamente de Norte a Sul entre a Bloor e a Queensway Ave. Uma significativa parte geográfica deste parque é classificada como área provincial de científico interesse natural.

A ravina a Este ocupa metade do parque e nela encontra-se uma ribeira e algumas pequenas lagoas que servem de residência a várias aves aquáticas que fazem delas sua residência entre estas os elegantes Blue Herons aves de cor azul-acinzentado muito raras e envergonhadas. Esta ravina assenta sobre uma subterrada ribeira localizada a 50 metros de profundidade deslizando por um percurso de leito pedregoso com 200 kilómetros de comprimento e faz parte do Lawrentian River System que se julga começar em Georgian Bay. A ribeira manteve-se silenciosa e desconhecida durante milhares de anos até que em 2003 empregados da Câmara Municipal de Toronto trabalhando naquela área, por acidente, enquanto escavavam o solo descobriram-na e logo ela ejetou água, areia e brita a 15 metros de altitude. Na mesma área, foram também encontradas evidências que datam da pré era congelada. A ribeira tem ligação com duas profundas cisternas que se encontram junto à Bloor e Parque Side.

A parte central do parque, tal como as outras, também começa na Bloor estendendo-se para Sul, e à medida que se expande vai-se estreitando acabando na zona onde se encontra a Colborn Lodge que está aberta ao público anualmente mediante pagamento. Ali ainda se encontram algumas peças mobiliárias originais dos seus ex-proprietários bem como artigos decorativos e pinturas replicando imagens antigas da cidade de Toronto. É também na zona central que estão instaladas facilidades para lazer, piscina, ringue de patinagem, jardins, serviço de cozinha ambulantes, campos de jogos, o Grenadier Restaurante e um anfiteatro onde, no Verão, são exibidas obras de Shakespeare. O acesso é gratuito.

Além destas facilidades, encontra-se ali, logo à entrada, um edifício denominado High Park Forest School, aberto em 1915, que inicialmente serviu como escola pública destinada a crianças com dificuldades energéticas funcionando maioritariamente ao ar livre. Entre 1960 e 2013 o referido edifício foi usado por diversas organizações, mas em 2015 o High Park Nature Centre ocupou-o até aos dias de hoje. Para além disso, tem uma importante rara vegetação denominada Oak Savannah. Algumas destas preciosas árvores têm mais de cento e cinquenta anos de idade.

A zona florestal do High Park começa no canto enquadrando as ruas e Parque Side Road estendendo-se para Sul até atingir uma localidade menos arborizada onde estão situadas áreas de recreio para crianças e outras para piqueniques. É também aqui que se encontra a ribeira que passa pelas lagoas Howard Pond e Ridout Pond acabando o seu percurso em outra lagoa de maior dimensão junto à Queensay Ave de onde através de largos tubos desagua para o Lago Ontário. Na mesma área existiu uma zona zoológica cuja manutenção custava à Câmara Municipal Torontina 100 mil dólares anuais. Atualmente é financeiramente mantida por vários grupos privados.

Na parte Oeste encontra-se o lago Grenadier Pond que mede 14,2 hectares. É muito frequentado pelos amantes da pesca por nele viverem variadas espécies de peixe. No Inverno de 1812, quando estava coberto por uma camada de gelo, serviu de ponte para soldados especiais britânicos transitarem do For York para a parte norte da cidade de Toronto a fim de a defenderem. Na margem Norte areosa desse mesmo lago, em 1921, durante a construção de ruas circunvizinhas, foram encontrados subterrados, na posição sentada, debaixo de enormes troncos de árvores, vários cadáveres que foram submetidos a s estudos cujos resultados determinaram que se tratava de esqueletos que datavam 2500 anos antes da era de Cristo. Julga-se que os referidos esqueletos pertencessem a povos indígenas que terão vivido nos terrenos do High Park. Os esqueletos foram embalsamados com pó avermelhado substância usada para embalsamar o chamado Red Paint People (pessoas pintadas de vermelho) que viveram na Nova Inglaterra e no Norte do Canadá. Diz-se que o local se parecia com locais areosos junto a rios onde os nativos conhecidos por “red oaker people” se sepultavam. De acordo com a Sociedade Histórica de Toronto, existem 57 elevações terrenas no High Park sob as quais estão sepultados indígenas anciãos. Devido às corridas de motocicletas naquela zona, uma destas elevações corroeu expondo várias ossadas. Atualmente a localidade está vedada a atividades motociclistas.

Em 1854, os caminhos de ferro chegavam à zona Sul daquela propriedade e John Howard vendia uma pequena parcela do seu terreno às companhias de caminhos de ferro Hamilton e Toronto Railway para que as linhas férreas prosseguissem em frente. E assim os terrenos areosos que separavam a propriedade de John Howard e o Lago Ontário eram entulhados para suportar a construção das linhas férreas. Mais tarde, em 1891, John Howard vendeu mais uma talhada do seu terreno, na margem Sul, à Grand Trunk Railway por apenas 1000 dólares canadianas.

Ainda em 1950, durante a construção da Queensway Ave, outra talhada de terreno era cedida à Metro Transportation um procedimento que causou controvérsia entre a população política por ir de encontro à proposição de John Howard “que os terrenos fossem usadas apenas para ósseo dos torontinos”, embora oficiais da Metro Transportation tivessem procurado familiares do falecido para obter parecer e consentimento.

John Howard nasceu na Inglaterra em 1803 tendo sido batizado com o nome de John Corby. Depois de concluir a escola obrigatória foi marinheiro durante dois anos regressando à Inglaterra para se tornar carpinteiro. Em 1824 estuda arquitetura. Chega a Toronto com sua esposa Jemima em setembro de 1832 com quem se manteve casado até ela falecer com cancro em 1877. Contudo sempre manteve uma relação amorosa com Mary Williams com quem teve três crianças. Foi o primeiro arquiteto de Toronto desenhando edifícios públicos e residenciais. Foi depois Notário Público, Presidente de uma mina de cobre em Lake Uron, Presidente e Tesoureiro da Sociedade de Artes de Toronto, e Juiz da Paz durante quatro anos.

Após uma longa carreira em arquitetura, engenharia e topografia na Câmara Municipal de Toronto, reforma-se em 1855 e passa a viver na sua casa de Verão. Em 1873, por se sentir cansado, com Jemima concorda doar a sua propriedade à cidade exigindo em troca as seguintes condições: o direito de continuarem a viver nela até ao fim das suas vidas, que a propriedade seja usada gratuitamente como parque público, que alcool nunca seja permitido ser ali consumido, que a propriedade nunca deixe de ser chamada High Park, que lhes seja pago 300 dólares iniciais, e 1200 dólares de pensão vitalícia. Os vereadores de então votaram 13 a favor, e 2 contra as condições impostas pelos Howards citando que a propriedade estava localizada afastadamente da cidade para que fosse desfrutada pelos cidadãos da mesma. Contudo, em 1876 forma-se o High Park com os terrenos de John Howard e outros comprados a George Percival Ridout, (homem de negócios e político oriundo de Bristol Inglaterra nascido em 1807 e morto em 1873), localizados a este dos terrenos de Howard. Nessa altura o acesso direto à propriedade era feito por barco através do Lago Ontário, da linha férrea da Great Western Railway, ou por uma estrada privada via pagamento. Só mais tarde é que foi então construído o acesso próprio a partir do Lake Road até aos terrenos onde hoje se encontra o High Park. Esse acesso é atualmente conhecido por Spring Rd e Centre Rd.

John Howard faleceu em 1890 e sua esposa Jemima em 1877. Ambos encontram-se sepultados quase em frente à sua residência, numa campa assinalada por um monumento construído em pedra, que ele próprio desenhou, vedado por um gradeamento que pertenceu à Catedral de S. Paul de London, na Inglaterra.

É um pesar notar que o High Park já não seja tão bem cuidado como outrora, pois infelizmente outra coisa não se poderia esperar uma vez que é parte integrante de uma cidade cuja limpeza vai deixando muito a desejar.

 

Clique aqui para ler mais notícias

Contactos - Política de Privacidade - Termos de Utilização
© Venus Creations. Todos os Direitos Reservados.