Publicidade Venus Creations

 

 

Versão Original
(Abre numa nova janela)

English Version

Version Française

 

COMUNIDADE

DOMINGO 23 DE ABRIL DE 2107  

Recordando o Guitarrista Mariano do Rego

Ele nasce na Ribeirinha, Ilha de S. Miguel, a 22 de Janeiro de 1928. Começa a dedilhar a guitarra com apenas cinco anos. Desde logo, começa a intrometer-se nos serões musicais com que seu pai presenteava as habitações da sua freguesia por altura das festas do Espírito Santo.

Durante a segunda guerra mundial, com sete anos, juntamente com outros guitarrisatas, Mariano acompanha fadistas e outros profissionais das cantigas que a S. Miguel se deslocam para actuar na taberna de seu pai.

Em 1952, participa no concurso Companheiros d’Alegria sob a direcção de Igrejas Caieiro, levado a cabo no Teatro da Ribeira Grande. Ganha o primeiro prémio e é convidado para ir até Lisboa. Entretanto, em 1955, Hermínia Silva actua em S. Miguel e Ilha Terceira, e Mariano do Rego é convidado a incorporar-se no elenco. Quando termina a digressão, vai para os Estados Unidos e participa em grandes espectáculos ao vivo e na televisão.

Imigra para o Canada em 1957 onde grava trabalhos discográficos em vinil alguns dos quais em colaboração com a Caravana Açores de que foi parte integrante juntamente com sua esposa Maria da Luz. É com a referida organização, sob a direcção de António Tabico, que percorre várias cidades do Canadá, Eatados Unidos da América, Bermuda e Arquipélago dos Açores. O seu último trabalho discográfico em CD intitulado “Guitarras de Portugal” é editado em 1999 pela Dismúsica, de Humberto Rebelo.

Mariano do Rego deixa-nos para sempre a 12 de abril de 2000 vítima de ataque cardíaco. Em abril de 2001, a pedido de sua esposa, organiza-se uma homenagem póstuma, com espectáculo realizado no Oassis Convention Center, em que participam quase todas as pessoas que se dedicam às cantigas e vivem em Toronto. Apuram-se mais de dez mil dólares com as quais se estabelece o Mariano Rego’s Memorial Fund no agora Banco Of Montreal. A partir de então, primeiramente entrega-se mil dólares a um aluno de guitarra que necessitasse de ajuda financeira, mas depois, por sugestão da viuva e suas filhas, doa-se apenas quinhentos dólares. Eis alguns dos recipientes; Maria Luísa, Paulo Filipe, Latina M. Resendes, Adam Levschuk, Emely Ferreira e Chris Freitas. Este último, agora professor de religião, ducente no Harbord Collegiate Institute, voluntariamente ensina 10 estudantes a tocar Guitarra e Viola Clássica bem como a reparar e encordoar os respetivos instrumentos. Quatro dos referidos alunos já conseguem tocar algo e dois deles estão aptos a participar em concertos.

Foi criada uma pequena sala na respetiva escola que será chamada Classe de Mariano Rego onde vai ser colocada a foto do Guitarrista Micaelense. Para a mesma classe, foram doadas uma Guitarra e uma Viola Clássica pertencentes ao conhecidíssimo José Henrique Brum atualmente, por questões de saúde, a viver no Robert Speck Assisted Living em Mississauga.

Como membro do comitê, eu, Avelino Teixeira, fui autorizado pela Arminda Meyer a encerrar a conta no Banco Of Montreal que ainda continha $2.221.00 (dois mil duzentos e vinte e uma dólares) que foram entregues a Chris Freitas mediante um recibo em estilo de declaração escrito em papel timbrado com o logo do Habord Collegiate Institute que pode ser observado por quem queira confirmar a decisão do comitê, e o porquê de encerrar a conta uma vez que estava sendo cobrada um certa quantia para mantê-la ativa.

Foram-nos apresentados recibos no valor de $370.00 (tresentos e setenta dólares) do pagamento de certos utencílios comprados para a manutenção e encordoamento dos instrumentos, e da compra de uma Viola Clássica usada no valor de $850.00. O restante dinheiro será reservado para ser usado em forma de bolsa de estudo no valor de $100.00 (cem dólares) entregue anualmente ao aluno mais aplicado. O comitê para o Mariano Rego’s Memorial Fund dá por terminada a sua função agradecendo a Humberto Rebelo pela sua disponibilidade e aos artistas participantes na homenagem póstuma ao simpatiquíssimo e mais antigo guitarrista da comunidade portuguesa de Toronto, Mariano Do Rego. Paz à sua alma!

Texto e foto de
Avelino Teixeira
www.venuscreations.ca

 

Clique aqui para ler mais notícias

Contactos - Política de Privacidade - Termos de Utilização
© Venus Creations. Todos os Direitos Reservados.